Não se preocupe em tentar impressionar outras pessoas. Concentre-se apenas em como pode agregar valor às suas vidas

Hal Elrod

Nenhum homem conquista grande sucesso sem se dispor a sacrifícios pessoais

Napoleon Hill


Marketing

Comunicação integrada de Marketing

É louvável que as empresas adotem práticas comerciais éticas e responsáveis, não apenas preocupando-se com o lucro, mas com o bem-estar da sociedade

25/05/2021 - 11:32 | Atualizado em 07/06/2021 - 15:48

Devido à acirrada disputa comercial dos tempos modernos, as empresas cada vez mais investem em soluções para atrair novos clientes, bem como mantêr os atuais, sempre tendo como norte o lucro. O sistema de gerenciamento e junção dos elementos de Comunicação Publicitária - Propaganda, Publicidade, Promoção, Vendas, além das mais variadas formas de Marketing (online, patrocínio, relacionamento) - tem como foco comunicar a mesma mensagem, fortalecendo a imagem da marca perante o mercado.

Para quem atua na prestação de serviço, o Marketing Social é de extrema importância, uma vez que ajuda a empresa a ter custos de acordo com a qualidade do trabalho e do prestígio perante o público. Junção de duas palavras aparentemente antagônicas, trata-se de uma ferramenta que contribui na gestão de organizações para planejar a relação de troca com os diferentes meios, visando a melhorar as condições de sustentabilidade.

É inegável que hoje existam mais empresas preocupadas em não fazer propaganda enganosa, bem como respeitar o cliente e preservar o meio ambiente, praticando o chamado Marketing Societal. Através da consciência de que é impossível serem prósperas numa sociedade decadente, muitas empresas têm adotado o caminho de associar suas marcas às causas sociais. Não há nada de errado nisso, se considerarmos que uma campanha efetivamente atrelada à mudança social representa um bom exemplo de relação ganha-ganha.

Nos Estados Unidos, o conceito surgiu há mais de 60 anos. Na década de 1960, o executivo Richard Manoff foi pioneiro na utilização da Comunicação para fins preventivos em Saúde Pública, convencido de que a mesma propaganda que vendia cigarros também poderia vender a ideia de que fumar encurta a vida. Hoje, o Marketing Social não deve apenas resgatar velhas dívidas sociais, mas fortalecer o bem público, reduzindo a ênfase nos problemas e atacando as causas, buscando soluções efetivas, num movimento de transformação bem mais amplo.

O Marketing Social está a serviço de qualquer organização interessada em melhorar a vida dos indivíduos, incluindo obviamente os governos. Seu ferramental de análise de ambientes, gerenciamento de pesquisa, identificação de necessidades e expectativas, definição de estratégias de Comunicação e mensuração de resultados consiste numa importante tecnologia a serviço da mudança social. Assim, as empresas necessitam de uma estrutura interna que não simplesmente doe dinheiro, mas que desenvolva e execute os projetos sociais, engajando-se pra valer, indo além do patrocínio.

Responsabilidade social é uma forma de conduzir os negócios de forma que a empresa se torne parceira e corresponsável pelo desenvolvimento da sociedade. A companhia socialmente responsável é aquela que possui a capacidade de ouvir os interesses das diferentes partes (acionistas, funcionários, prestadores de serviço, fornecedores, consumidores, comunidade, governo e meio ambiente) e consegue incorporá-los ao planejamento de suas atividades, buscando atender às demandas da maioria.

A ética é a base da responsabilidade social, expressa nos princípios e nos valores adotados pela organização. É importante haver coerência entre ação e discurso. O processo nunca se esgota, pois sempre há algo a fazer. Cada vez mais se exige lealdade e parceria da empresa para com os fornecedores, preocupação constante com a satisfação e a segurança do cliente, qualidade das relações com o meio ambiente, a sociedade e até mesmo com os concorrentes. Trazendo para o meio rural, ressalto que “juntos, somos fortes! Unidos, fazemos a diferença em prol do Agronegócio”! O Brasil tem jeito. Basta cada um fazer a sua parte, visando a dar bons exemplos, estimulando os outros a fazerem o bem também, criando uma sociedade mais equilibrada. Eu acredito!

Fonte:
KELLER, Kevin Lane; KOTLER, Philip. Administração de Marketing: A Bíblia do Marketing. 12ª ed. São Paulo: Pearson Education Brasil, 2007.


Foto:

Marcelo Pardini contato@agromp.com.br

Marcelo Pardini é narrador, poeta, jornalista, pós-graduado em Marketing e leiloeiro rural. Titular da marca Agro MP - A voz do Agronegócio.

36 colunas publicadas