Um livro aberto é um cérebro que fala; fechado, um amigo que espera; esquecido, uma alma que perdoa; destruído, um coração que chora

Voltaire

Ame a vida que você tem enquanto cria a vida dos seus sonhos. Não pense que precisa esperar pela última para começar a fazer a primeira

Hal Elrod


Numa toada só

Criança, cavalo, paixão e poesia

A bondade dos equinos atua diretamente na formação do caráter dos pequeninos, transmitindo-os noções de respeito, gratidão e limites

06/03/2021 - 08:37

A relação da criança com o cavalo traz ensinamentos sobre liberdade, respeito, autonomia, parceria, amor, amizade, agilidade, cautela, concentração, criatividade e improviso. Os benefícios dessa ligação vão além e, em alguns casos, chegam a ser terapêuticos. Tais características culminaram na Equoterapia, atividade na qual o cavalo é o protagonista na reabilitação de adultos e crianças, uma vez que os equinos ajudam os seres humanos a se superarem, desde simples déficits escolares a complexos problemas de relacionamento. Ah, os cavalos…

Se você tem crianças na família, vale a pena apresentá-las ao universo equestre. Mas já vou lhe avisando: é um caminho sem volta, pois elas se apaixonarão! Ao conviver com esse incrível animal, elas se darão conta da grandeza do coração dele e, ao montá-lo, sentirão que a vida ganhará novas cores, os horizontes se ampliarão e a felicidade será certeira. Uma grande bênção!

Fagner Almeida
Junto aos cavalos, a vida ganha novas cores e os horizontes se ampliam

Muitas pessoas têm no idílio rural o descanso da correria do dia a dia. Elas enxergam nos cavalos a força, a beleza, a generosidade e a amizade, ou seja, características e sentimentos que são a base para a formação do ser humano. Quando estão com os animais, elas se conectam a um mundo de amor, algo que é puro e verdadeiro, tais quais as crianças que não se desgrudam do brinquedo favorito. É uma troca de afeto mutua!

Foto cedida
Criança e cavalo - amor puro e verdadeiro com troca de carinho mutua

Certa feita, em entrevista para uma de minhas colunas, o jornalista e leiloeiro rural Marcelo Pardini, titular da Agro MP, relatou-me: “o cavalo muito contribuiu para a formação do meu caráter. Vivenciar as competições hípicas me proporcionou um ambiente saudável e familiar, em que aprendi a ter respeito pelo próximo e, sobretudo, pelos animais. O cavalo me ensinou a ter noções de limites. E as provas me fizeram conviver com pessoas de diferentes credos e classes sociais, em clima sempre agradável e salutar”. Pardini também reforçou a importância de nós, humanos, aprendermos com os equinos: “eles são sinceros, demonstram o que sentem, sem disfarces. Desta maneira, dentro das minhas possibilidades, que são formadas por minhas qualidades e por meus defeitos, esforço-me para ser o melhor que posso, tal qual o cavalo, cuja nobreza não o deixa se entregar, indo sempre avante".

Foto cedida
Pardini ressalta a importância do cavalo na formação do caráter das crianças

É isso aí! Quando somos bons, contagiamos os outros a serem bons, daí formamos uma verdadeira corrente do bem. E digo mais: no lombo de um bom cavalo de sela tudo fica melhor! Então, bora montar!


Foto:

Flávia Raucci harastresrios@harastresrios.com.br

Flávia Raucci é Diretora de Marketing do Haras Três Rios, criatório de cavalos da raça Mangalarga, localizado em Itatiba/SP, cuja história vai para 50 anos de seleção.

10 colunas publicadas