Nós imaginamos o que desejamos, queremos o que imaginamos e, finalmente, criamos aquilo que queremos

George Bernard Shaw

Para cada estrada bloqueada há outra aberta. Para cada deficiência há uma habilidade. Você serve a um propósito na vida

Nick Vujicic


Veterinária

A Estação de Monta

Estudo dos acasalamentos, planejamento estratégico e manejo adequado são fundamentais para se chegar a resultados positivos na Reprodução equina

16/08/2019 - 10:26 | Atualizado em 18/09/2019 - 01:53

A Estação de Monta, no princípio da Primavera, começa nos dias mais longos do ano, cuja luminosidade é maior. Para os equinos, a luz está diretamente associada à Reprodução e é neste período que as éguas começam a ciclar.

Muitas associações de criadores de cavalos oficializam o novo ano hípico a partir de 1º de julho, por isso que dizemos que o potro que nasce nos primeiros dias do mês 07 é “bem nascido”, o que lhe confere vantagem competitiva frente aos nascidos posteriormente. Portanto, para se chegar a tal benefício, a concepção deve ser realizada próxima a agosto do ano anterior, já que a gestação da égua dura em torno de 335 dias (11 meses).

Não só a luz, mas a temperatura ambiente e a condição corporal da fêmea também influenciam no ciclo reprodutivo equino. Alguns estudos sugerem que sob a mesma condição de luminosidade e nutrição a primeira ovulação da égua pode atrasar devido ao clima, muito frio ou muito quente.

As fêmeas que recebem dietas ricas em proteína, por exemplo, exibem aumento da secreção de FSH (hormônio da fertilidade) e ovulam de 03 a 06 semanas mais cedo do que as submetidas à alimentação de baixa qualidade.

É importante que o criador fixe no calendário do haras a chegada da Primavera para dar início à Estação de Monta. Assim, os nascimentos acontecerão no início do Verão seguinte, período em que as pastagens são mais ricas e o clima ameno contribui para o desenvolvimento dos neonatos.

Estudo dos acasalamentos, planejamento estratégico e manejo adequado são fundamentais para se chegar a resultados positivos na Reprodução equina. Por isso, sempre consulte um especialista, para que as taxas de prenhezes positivas sejam altas. Então, é aguardar nos piquetes-maternidades novos relinchos de pura felicidade!

Marcelo Pardini
A cada Estação de Monta a esperança de novos relinchos de pura felicidade

Publicidade
Banner Haras Lagoinha